Notícias

Polícia prende quadrilha suspeita de aplicar golpes em site de vendas em Belo Horizonte

Por Redação, 29/05/2019 às 14:23
atualizado em: 29/05/2019 às 17:55

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00

A Polícia Civil apresentou nesta quarta-feira detalhes da prisão de quatro suspeitos de integrar organização criminosa que aplicava golpes através do site de vendas OLX.

De acordo com as investigações, o grupo fornecia um endereço e usava nomes falsos para que os produtos fossem entregues. Eles faziam falsos depósitos e após o recebimento do material, revendiam os produtos em uma loja no bairro Buritis, na região Oeste de Belo Horizonte. Eles agiam há mais de um ano e fizeram vítimas no Brasil todo.

OUÇA A REPORTAGEM COM ANA CECÍLIA CARNEIRO

Foram apreendidos drones, celulares, computadores, video games, relógios e outros produtos eletônicos que foram "comprados". A polícia estima que o prejuizo dos anunciantes varia entre R$ 4 mil e R$ 26 mil.

Segundo a polícia, Gustavo de Souza Veloso, de 32 anos, seria o cabeça do esquema. Ele tinha um casa de luxo no bairro Bandeirantes, na região da Pampulha, na capital mineira. Paolo Henrique Cassano, de 29, é o proprietário da loja em que os produtos ilegais eram vendidos. Os outros presos são Diego Allen DeLucca Rocha, de 29, e Jacques Judice Ross Lamego, de 30.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'Eu estou levando minha revolta para um lado de injustiça, eu preciso de uma resposta. Eu guardei tudo no quarto do bebê. Essa dor parece que não vai passar', completa.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    O caso foi revelado em primeira mão pela rádio Itatiaia e repercute nacionalmente.

    Acessar Link