Notícias

Dia dos Namorados anima micros e pequenos empresários de Belo Horizonte 

Por Redação , 02/06/2020 às 10:26
atualizado em: 02/06/2020 às 10:33

Texto:

Ouça na Íntegra
00:00 00:00
Foto: Pixabay /imagem ilustrativa
Pixabay /imagem ilustrativa

Pequenos empresários apostam no Dia dos Namorados para reduzir os prejuízos causados pela pandemia do novo coronavírus. Com as portas fechadas por mais de dois meses, muitos tiveram que se reinventar para manter o negócio funcionando. E as redes sociais foram um dos caminhos encontrados.

A microempresária Brígida Alvarenga, por exemplo, investe na produção de brigadeiro gourmet. “Mesmo nesse cenário mundial de medo e incertezas, nós não podemos nos dar ao luxo de deixar a peteca cair. Nossa produção continua seguindo todas as orientações de higiene”, disse. Para o Dia dos Namorados, ela aposta na praticidade e segurança. “Seguimos nos reinventando”.

Afastada do trabalho em razão da pandemia, a representante comercial Carla Daniele investe na elaboração de cestas de café da manhã e chocolates. “Tive a ideia de fazer um pequeno empreendimento na minha própria casa e aproveitar essa data do Dia dos Namorados”. 

Já Eduardo Porto, dono de uma confecção de peças íntimas, decidiu ele mesmo entregar aos clientes. “A gente conta com o apoio do consumidor para que continue comprando do pequeno empreendedor”. 

Para alguns especialistas, o uso das redes sociais como ferramenta de divulgação é um caminho sem volta e continuará mesmo após a pandemia passar. O educador financeiro Mateus Machado, colunista da Itatiaia, destaca que comprar do pequeno empreendedor gera um efeito positivo e sustentável. 

“As pequenas empresas são responsáveis por mais da metade dos empregos formais no Brasil e representam mais de 90% dos empreendimentos. Nessa fase em que tantas tiveram de fechar suas portas é mais significativo do que nunca estimular sua sobrevivência”, destaca.

O educador financeiro diz que quanto mais forte for o comércio local mais o bairro e a região tendem a crescer.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    "A família me procurou no início do mês, estava preocupada por ele estar sem advogado", explicou o advogado #itatiaia

    Acessar Link