Notícias

‘É pequeno pensar que um clube vai conhecer o outro por um jogo-treino’, diz diretor do América 

Por Emerson Romano , 10/07/2020 às 09:20
atualizado em: 10/07/2020 às 09:35

Texto:

Foto: Daniel Hot/América
Daniel Hot/América

RESUMO

  • Paulo Bracks, justificou a decisão de o clube aceitar o jogo-treino contra o rival Atlético
  • O Coelho não joga desde o dia 15 de março, quando venceu o Patrocinense em Patrocínio por 1 a 0
  • Jogo-treino foi confirmado para a próxima quarta-feira (15), às 10h, na Cidade do Galo
  • A confirmação do teste provocou a ira de parte da torcida americana, contrária ao treino preparatório
  • Torcedores contrários alegam que o treinamento servirá para mostrar ao Atlético como atua o time do técnico Lisca


O diretor de futebol do América, Paulo Bracks, justificou a decisão de o clube aceitar o jogo-treino contra o rival Atlético, primeiro adversário do Coelho na retomada do estadual.  Muitos torcedores americanos se manifestaram contra a atividade, confirmada para a próxima quarta-feira (15), às 10h, na Cidade do Galo. 

O Coelho não joga desde o dia 15 de março, quando venceu o Patrocinense em Patrocínio por 1 a 0 e garantiu, por antecipação, uma vaga na fase semifinal do Campeonato Mineiro.  Em entrevista na noite desta quinta-feira (9) ao jornalista Paulo Azeredo, Bracks defendeu a realização do jogo-treino.

“É necessário para um retorno de uma competição oficial que se faça um treino mais forte. Que se faça um jogo-treino. É completamente diferente do treino entre os atletas. A gente sempre fez isso”, disse.

Paulo Bracks lembrou que esse tipo de treinando sempre é feito pelo América. “Antes de começar o nosso campeonato, enfrentamos o Inter de Minas, fizemos um jogo-treino contra eles. Contra o Betim, contra o Coimbra, que já foi três vezes ao nosso CT para jogar. Então isso é necessário. A palavra para definir esse teste é necessário, isso é parte técnica”, afirmou.  

Segundo o departamento de futebol americano, o objetivo do jogo-treino será dar ritmo de jogo aos atletas, que não atuam há quatro meses. 

“Hoje no nosso cenário em Belo Horizonte, a gente tem duas opções pra fazer jogo-treino, só tem dois clubes que podemos enfrentar, antes de voltar nossa competição oficial: o Atlético e o Cruzeiro. Não tem outro adversário”. 

“Foi uma decisão das diretorias, com a chancela dos treinadores e ela visa exclusivamente a parte técnica. É muito pequeno pensar que um clube vai conhecer o outro por um jogo-treino”, disse Paulo Bracks.

América e Atlético vão se enfrentar pela penúltima rodada da fase de classificação do Campeonato Mineiro. O Coelho é o líder, com 21 pontos, e já está classificado para as semifinais, enquanto o Galo é o terceiro colocado, com 18.

Ira

A confirmação do teste provocou a ira de parte da torcida americana, contrária ao treino preparatório. Os torcedores contrários alegam que o treinamento servirá para mostrar ao Atlético como atua o time do técnico Lisca.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    Personagem nasceu em 10 de agosto de 2001. #Itatiaia

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    Secretaria vai distribuir máscaras de pano aos estudantes. #Itatiaia

    Acessar Link