Notícias

Quem não aderiu à prevenção possivelmente contribuiu para mortes, diz infectologista de BH

Por Redação, 18/09/2020 às 18:26
atualizado em: 18/09/2020 às 18:53

Texto:

Foto: Amira Hissa/PBH
Amira Hissa/PBH

Um dos infectologistas que compõe o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 da Prefeitura de Belo Horizonte, Estevão Urbano fez fortes críticas a quem insiste em descumprir medidas de prevenção à doença, como o uso de máscaras.

"Essas pessoas mais resistentes a compreender o problema de quase 1 milhão de mortos no mundo e de quase 140 mil mortes no país possivelmente, sem saber, contribuíram para algumas mortes", afirmou na coletiva em que a administração municipal anunciou nova flexibilização na cidade.

Ao ressaltar a importância da prevenção, outro membro do comitê, o infectologista Carlos Starling disse que a pandemia "está longe de acabar". "Não existe uma perspectiva próxima de termos uma solução definitiva. Vacinas estão em fase três e não podemos contar ainda com 7 bilhões de vacinas para resolver o problema do planeta", afirmou.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    'O projeto introduz dispositivos claros e objetivos, com penalidade para aqueles que prestarem informações falsas ou deixarem de executar as medidas compensatórias', defend...

    Acessar Link